Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

volto já

para quem pertence a vários lugares

volto já

para quem pertence a vários lugares

Cassis, o segredo (aqui ao lado) mais bem guardado deste verão

Cassis

 

Sejam bem-vindos a Cassis, uma pequena vila piscatória no Mediterrâneo, perto de Marselha, França. Este lugar é famoso pelos seus edifícios de barro, produção de vinho rosa, os calanques e praias de cortar a respiração. Este é o segredo mais bem guardado do verão de 2017. Sintam-se uns privilegiados por conhecer este lugar mágico.

 

Como chegar lá

Uma viagem de avião a partir dos aeroportos portugueses continentais até Marselha tem a duração de duas horas e Cassis fica a cerca de 30 minutos. Caso optem por viajar de comboio, mal cheguem à estação ferroviária,  peçam um táxi até ao vosso destino final, uma vez que transportes públicos não abundam nesta zona.

 

Onde ficar

Aqui irão encontrar várias opções espetaculares no Airbnb, a nossa recomendação principal e a mais barata. Tentem ficar numa propriedade a poucos passos do porto para terem fácil acesso aos restaurantes, lojas e praias. Se preferirem algo mais especial, considerem o ‘Les Roches Blanches’, um hotel de luxo com vistas incríveis para o azul turquesa do Mediterrâneo.

 

O que comer

Para os mais destemidos com a fatura final, recomendamos o ‘La Villa Madie’, com estrelas Michelin, que fica no alto das colinas circundantes de Cassis, oferecendo vistas magníficas para o mar e pratos a combinar com o ambiente. Aqui irão encontrar peixe e marisco muito fresco e delicioso. Se forem até lá, façam uma pausa para admirar o penhasco mais alto do mar na Europa, o Cap Canaille, um rochedo que vai mudando de cor ao longo do dia. Passem também pelo ‘Divino’, um pequeno bar de vinhos numa das muitas e encantadoras ruas laterais de Cassis, servindo pratos simples e deliciosos (com preços mais em conta) e não se esqueçam de fazerem acompanhar a vossa refeição com um copo de vinho rosé local.

 

O que fazer

Se estão a pensar ir até Cassis apenas para nadar, comer e beber, então vão para o sítio certo. Os franceses, principalmente os que vivem na Provença, sabem fazer isso melhor do que ninguém. Primeiro, façam o reconhecimento a pé pelas ruas estreias e coloridas da parte velha da vila de Cassis. Depois, sintam-se uns verdadeiros turistas e façam um passeio de barco (com três opções de duração) pelo mar de Mediterrâneo, desta forma, têm uma perspetiva única dos calanques, as jóias da coroa de Cassis. De acordo com o maior dicionário da internet, tratam-se de acidentes geográficos que se apresentam sob a forma de uma angra, enseada ou baía com lados escarpados, compostos por estratos de calcário, dolomita ou outros minerais carbonatos.

A verdadeira aventura só ficará completa se se aventurarem a pé pelos arredores dos calanques. É uma experiência única e como recompensa poderão mergulhar em praias que parecem saídas de filmes, como é o caso do Calanque D'en Vau.  Façam o percurso em segurança e não entrem em pânico se se perderem um pouco, isso faz parte da jornada. A área do trilho não está bem assinalada e irão encontrar alguns obstáculos, contudo, irá ser a perda de tempo mais preciosa do mundo. Basta olhar para o lado e sentirem-se imediatamente no paraíso.

 

Quanto tempo

Recomendados cinco dias divididos desta forma: dois dias para caminhadas, dois para desfrutar simplesmente das praias e outro para descontrair na parte velha da vila. Depois sigam rumo para o coração da Provença, porque nós explicamos tudo no nosso roteiro.